Eleição americana: Donald Trump vence Hillary e, de quebra, cala a mídia e joga pesquisas no lixo

Quarta Feira, 09 de Julho de 2016

483208412-real-estate-tycoon-donald-trump-flashes-the-thumbs-up

Donald Trump , 70, será o 45º presidente dos Estados Unidos. Contrariando pesquisas e previsões, ele derrotou Hillary Clinton e teve sua vitória projetada pela agência Associated Press (AP) às 5h32 (hora de Brasília) desta quarta-feira (9).
  Pesquisas
Apesar de sofrer uma queda na última semana de campanha, principalmente após a revelação de que o FBI estava analisando mais de seus e-mails, Hillary ainda chegou à eleição tendo uma média de 4 pontos de vantagem nas principais pesquisas.
Na segunda-feira, o site Real Clear Politicslistava oito pesquisas. O republicano aparecia na frente em apenas uma, a do LA Times/USC Tracking. Nas outras sete, a democrata liderava por uma margem que ia de 1 ponto (IBD/TIPP Tracking) a 7 pontos (NBC News/SM).
O site Huffington Post calculou a média entre 375 pesquisas de 43 fontes e atribuiu, também na véspera da votação, 47,5% para a democrata e 42,3% ao republicano.
O resultado para alguns foi surpreendente; para outros demonstra que o eleitor quer algo muito mais do que a tradicional política. Os Estados Unidos vivem uma crise interna que mexe com preconceito, estrangeiros e também a sua economia. Trump disse que mexeria em tudo com discursos considerados preconceituosos, que construiria um muro para separar os EUA do Mésico e que impediria a entrada de imigrantes, incluindo latinos e chamou a atenção de todo planeta.
Enquanto isso, em diversos textos feitos por jornais rádios televisões e revistas criticavam o hoje novo presidente, dizendo que caso ele vencesse o planeta viveria em uma grande catástrofe. Ao fazer o seu primeiro discurso, Donald mudou um pouco tipo de fala. Ele disse que vai governar não para um ou outro americano, mas para todos. Agora especialistas tentam amenizar as falas anteriores e dizem que entre o discurso da eleição e o do novo presidente muita coisa. 
A vitória de Donald J. Trump está sendo considerada, guardadas as devidas proporções, uma outra 11/9, agora ocorrida em 9/11. Os "exagerados " falam até em uma hipotética 3ª Guerra Mundial.
Sua 3ª e atual esposa é Melania knauss, ex-modelo,46 anos . Nasceu em Sevnica, uma pequena cidade no leste da Eslovênia e tem um filho, Barron, de 11 anos.
Eles se casaram em 2005, em cerimônia em Palm Beach, no estado da Flórida.
Segundo o seu advogado, as alegações contra Melania são 'totalmente mentirosas' (Foto: Mark Kauzlarich/Reuters)Donald Trump e Melania (Foto: Mark Kauzlarich/Reuters)






fontes: http://br.blastingnews.com/mundo/2016/11/trump-vence-dilma-americana-cala-a-midia-e-joga-pesquisas-no-lixo-001245427.html
http://g1.globo.com/mundo/eleicoes-nos-eua/2016/noticia/2016/11/donald-trump-vence-hillary-clinton-e-e-eleito-presidente-dos-eua.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Comidas Típicas do Piauí

Artigo: O Endosso-Mandato e o Endosso-Translativo

Artigo: Voz de Prisão: Quem pode e quando se pode dar ...